Um motivo para você voltar

Image

Ultimamente só chove. Então eu aproveito e deixo chover dentro de mim também… Não consigo evitar. Sei que você pediu para eu me cuidar bem, como você cuidaria, mas não dá. E ah, que se dane! Eu não vou fazer isso. Você que devia estar fazendo isso. Tudo o que eu sempre odiei foi homem sem atitude, e você sabe muito bem disso. Então se você quer, vem pegar. Se você me quer de volta, aparece na porta da minha casa com aquele sorriso meio torto. Só aparece… Não custa nada dar um sinal de vida, sabia? Eu sei que você está ocupando as suas horas vazias com novos amigos, novas pessoas e novos lugares, mas sempre sobra alguns minutos para velhos conhecidos, não é?

Nós nunca nos chamamos de apelidos fofinhos de namorados. Nunca fomos um casal comum. Somos excêntricos. Ainda mais juntos. O máximo era ‘Amor’, e olhe lá… Você se lembra disso? Eu ando pensando muito em você. Nos nossos momentos. Nas horas perdidas com você. Nas conversas. Nos beijos. Nas brigas. Em nós. E é claro, não consigo me controlar, e meu pensamento voa para o presente, e minha imaginação vai a mil. Como você está sem mim? Já me substituiu pelas suas amadas morenas? Não, meu bem, não tem como me substituir. Você sabe disso. Pode aproveitar, ir à quantos bares você quiser, beber quantas doses de uísque que você quiser, levar quantas morenas você quiser para casa. Quando seus lábios tocarem o dela, sentirá o gosto do meu. Quando abraça-la, sentirá o meu perfume. Quando ela rir, vai ser a minha risada que você vai ouvir. Eu estou em toda parte, não adianta lutar contra. A minha presença é mais forte que isso.

Mas me diz, como você consegue dormir a noite? Eu não consigo. E por favor, deixe de ser infantil e perceba que seus amigos novos nunca vão substituir os antigos. São falsos amigos. Você trocou todas as suas amizades, porque seus antigos amigos sempre foram os meus amigos também. E você quer distancia de tudo que tem ligação comigo. Você tem medo de mim? Eu não mordo, sabia… A não ser que você peça.

Aposto que o seu maior medo é me ver de novo. Porque assim que me ver, todos aqueles sentimentos que você conseguiu manter guardado por meses, vão se libertar, e de repente seus braços vão estar ao meu redor, e nada mais vai importar. E as vezes, eu desejo isso. Porque mesmo parecendo errado, eu sinto como se fosse algo certo. Mesmo que eu brigue com você durante 90% do tempo, os 10% sempre são recheados de carinho, cuidado e amor. Mesmo que tudo esteja tão ferrado e ruim entre nós agora, meus sentimentos continuam intactos. Eu não ligo para os problemas, não ligo para as dificuldades nem para a dor. Você faz a dor valer a pena. Então para de temer a minha sombra e vem aqui, nós precisamos conversar. Sei que se conversarmos como dois adultos vamos achar uma saída, juntos. Sempre juntos.

P.S: Se nada isso te convencer a voltar… Bom, aquela sua blusa favorita ainda está comigo. Assim como os ingressos para a partida de futebol do seu time favorito. E uma ruiva com os nervos a flor da pele, que, apesar de tudo, ainda te ama.

Anúncios

Comente

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s