Cinco filmes para assistir no feriadão!

Oi, meninas! Mil desculpas pelo sumiço, mas dessa vez a culpa não foi minha. Por algum motivo divino, a internet da minha casa simplesmente parou de funcionar, e eu estava offline desde Domingo. Mas como eu não podia ficar sem postar, eu tive que bolar um jeito de arrumar internet, e aqui estou. Comprei um roteador móvel da vivo, o que significa que… Não tenho mais desculpas! Não fico sem internet nunca mais nessa vida. 

Olhando os posts do blog, notei que nunca falei sobre cinema aqui, o que é muito irônico, porque uma das maiores paixões da minha vida é o cinema! Tanto que pretendo fazer faculdade sobre o assunto. Então vou fazer a alegria dos cinéfilos de plantão hoje!

Vou ser sincera, uma das coisas que eu mais odeio nesse mundo são os pseudo-cult. Sabe? Essas pessoas que ficam falando como se fossem de outro século, e pagando de Clarice Lispector sempre que tem oportunidade. Então vou deixar isso bem claro aqui: Eu não sou cult, muito menos pseudo-cult, e na tag de cinema vai ter de filmes complexos e complicados à românticos água-com-açúcar. Não acredito que tenha só um tipo de filme bom, não mesmo! Tem muito filme alternativo e ”cult” que são péssimos! Ninguém entende coisa nenhuma, mas fala que a-m-a para fazer status, assim como tem muito filme americano com recorde de bilheteria, que é muito bom! Então não vamos julgar aqui, ok?

Nesse primeiro post vou indicar alguns filmes que assisti recentemente e amei, então bora galera!

  1. Young Adult 

Image

Sinopse: Mavis Gary é uma autora de literatura juvenil que regressa à sua pequena terra natal para reviver os seus gloriosos dias e tentar reconquistar o seu namorado do secundário, agora um feliz homem casado. Quando o regresso a casa se torna mais dificil do que ela pensava, Mavis forma uma estranha dupla com um antigo colega que, tal como ela, ainda não ultrapassou a vida do secundário…

Comentário da blogueira: Eu achei o filme muito, muito bom! A atuação da Charlize Theron foi incrível, e me fez refletir em muitos aspectos. Nos faz pensar no passado, e nos obriga a olhar para o futuro. Tem um drama  psicológico muito forte, que podemos observar claramente no seu vício de arrancar os cabelos, que além de tudo, mostra que ela não gosta de si mesma. E, na minha interpretação, ela voltou para a sua antiga cidade não só para encontrar o seu antigo namorado, mas porque ela sentia falta da jovem que ela era quando morava naquela cidade.

2. We Bought a Zoo 

Image

Sinopse: Após a morte da sua mulher, Benjamin Mee abandona a sua carreira jornalistica e muda-se com os seus filhos para o campo onde compra uma velha mansão com um zoo incluído. Mee decide reabilitar o zoo e dar aos animais que lá residem um lar decente e confortável, no entanto, esta sua missão não será tão fácil como ele pensava.

Comentário da blogueira: Eu chorei do começo ao fim desse filme, juro! É muuuuuito emocionante, fala muito sobre a importância da família, a dor da perda, e como conseguimos seguir em frente quando alguém que amamos muito nos deixa. Acho que fiquei tão abalada, porque o personagem principal se parece muito com o meu pai, mas a maioria das pessoas ficam choronas ao extremo com esse filme. Recomendo que assistam com uma caixa de lenços do lado! 

3. Extremely Loud and Incredibly Close

Image

Sinopse: O Garoto de dez anos Oskar Schell vive em Nova York com seus pais. Ele passa grande parte do tempo com seu pai, com quem é extremamente apegado. Oskar perde seu pai no 11 de setembro, onde o mesmo estava no 105º andar durante o atentado. Posteriormente, Oskar vai em uma jornada através de Nova York para encontrar uma caixa fechada onde seu pai tinha deixado uma chave.

Comentário da blogueira: Esse filme é muito intenso. Nos envolvemos muito com o drama de Oskar a procura da fechadura que combine com a sua chave, e sofremos junto com ele. O garoto fica obcecado com a ideia da chave, como se isso fosse trazer o seu pai de volta, e isso se torna o seu modo de lidar com a dor. É muito triste, e ao mesmo tempo muito divertido. Uma aventura dramática, vamos colocar assim.

4. Like Crazy

Image

Sinopse: Anna é uma estudante britânica nos Estados Unidos, e se apaixona por Jacob. Os dois passam a ter uma relação bastante intensa, até que o visto de Anna expira. Ela decide ficar apesar no visto vencido. Por problemas burocráticos Anna é impedida de voltar ao USA enquanto Jacob fica impossibilitado de ir à Inglaterra devido ao seu trabalho. A distância abala a relação, e Anna e Jacob tentam, entre idas e vindas, ajeitar as suas vidas.

Comentário da blogueira: Sem dúvidas um dos filmes românticos mais lindos que eu já vi! Não é um drama clichê. O filme fala muito sobre os obstáculos que a vida coloca no amor, e em como duas pessoas podem crescer juntas. As cenas são lindas, lindas e lindas. É um filme muito realístico, sabe? Fala muito sobre distância, sem fantasiar nada, nem romantizar. Fala como é na dura. Me apaixonei perdidamente por esse filme, só não recomendo que as solteiras assistam no dia dos namorados, viu?

5. The Vow

Image

Sinopse: Paige e Leo formam um feliz casal recém-casado cujas vidas são transformadas por um acidente de carro que deixa Paige em coma. Ao acordar com uma perda de memória severa, Paige não se lembra de Leo, mas apenas da confusa relação com seus pais e do ex-noivo por quem ela talvez ainda sinta algo. Apesar destas complicações, Leo luta para conquistar seu coração novamente e reconstruir seu casamento.

Comentário da blogueira: Uma frase do filme ficou na minha cabeça até hoje: ”How do you look at the girl you love and tell yourself it’s time to walk away?” Achei uma frase de efeito muito forte e bonita. Mas não vou enganar vocês, é bem best-seller americano mesmo, tranquilo, água com açúcar e etc, mas a história é muito interessante e, pelo menos para mim, valeu a pena ter assistido. Sem falar que a atuação da Rachel McAdams está excelente! E, não sejam chatos, um filme desses é muito gostoso de assistir.

Bom, por hoje é só, galera. Espero que vocês tenham curtido os filmes, e se não viram, corram para ver! Não se esqueçam de colocar sugestões, críticas ou dicas de filmes nos comentário!

Beijos,

Ana.

Anúncios

Comente

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s